segunda-feira, 11 de junho de 2012

Imagens com história: Fevereiro 1908


O dia 1 de Fevereiro de 1908, marcou para sempre a história de Portugal e dos portugueses. Neste dia, no Terreiro do Paço em Lisboa, eram assassinados o Rei D. Carlos e o seu filho, o príncipe herdeiro Luís Filipe. Manuel dos Reis da Silva Buiça, natural de Bouçoães, Valpaços, expulso do exército em 1898 por indisciplina, na altura professor primário do Colégio Nacional,  e Alfredo Luís da Costa, empregado comercial e editor, natural de Castro Verde, foram os autores do atentado. Portugal entra num período de grande convulsão política e social. D. Manuel II, único filho vivo de D. Carlos e D. Amélia, é coroado a 6 de Maio 1908 com apenas 18 anos. Mas o reinado é de curta duração, e a 5 de Outubro de 1910 parte para o exílio nos arredores de Londres, quando é instituída a República em Portugal.
Este pequeno filme, realizado por um anónimo e datado de 10 de Fevereiro de 1908, retrata o cortejo fúnebre de D. Carlos e de seu filho, Luís Filipe. Imagens que marcam um dos períodos mais violentos da história de Portugal.